Os túbulos córneos dos cascos de bovídeos são como molas!

30 de junho de 2020

Aprimory Science

Descrição

Os túbulos córneos do casco de bovídeos são dispostos paralelamente, organizados de forma concêntrica-helicoidal em todas as regiões do estojo córneo, como evidenciado na imagem (1) por meio da Microtomografia 3D.

Esse achado revolucionou o conhecimento morfofisiológico dos túbulos córneos, que muitos acreditavam ser retilíneos.

Essa característica possibilitou investigar a dureza Vickers e módulo elástico em todas as regiões do casco, nos cortes transversal e longitudinal dos túbulos. Contudo, o módulo elástico avaliado no corte transversal dos túbulos córneos apresentou maior quando comparado ao corte longitudinal (Imagens 2 e 3). Essa característica fornece ao estojo córneo do casco, um mecanismo biomecânico que expande sob a pressão exercida pelo peso corporal do animal e depois se retrai quando a pressão é retirada, agindo como uma mola e amortecendo o impacto gerado pela força de toque ao chão.

Dados retirados dos artigos originais que segue abaixo, produzido por pesquisadores que juntos somam mais de três décadas de pesquisas na área da podologia de bovídeos, sendo autoridades no assunto:

1. Assis BM, Silva LAF, Lima CRO, Gouveia RF, Vulcani VAS, Sant’Ana FJF, Rabelo RE. Microstructure and Hardness of Buffalo’s Hoofs. Anat Histol Embryol. 2017;46(5):338-345.

2. Assis BM, Silva LAF, Borges NC, Lima CRO, Oliveira RS, Santos GP, Vulcani VAS e Rabelo RE. Microtomographic parameters and nanoindentation of the hoof of Girolando cattle. Anat Histol Embryol. 2017;46(5):456-463.

WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe está aqui para responder as suas duvidas. Pergunte qualquer coisa!
Oi, como posso ajudar?
Get Access Now!
OFFER ENDING SOON
Save 50%
Personal Trainer
FREE Nutrition
Custom Workout App
Get Access Now!
Get Access Now! & Save 50%
Personal Trainer FREE Nutrition Custom Workout App
Get Access Now!
Special
Offers
GET EXTRA 50% OFF
Mother's Day
Sale ends in
SHOP NOW