Os cascos de bovídeos não tem poros!

26 de junho de 2020

Aprimory Science

Descrição

A queratina intratubular e extratubular do estojo córneo do casco se arranjam de forma concêntrica, unidas pelas pontes dissulfeto. Outra evidência importante é que a queratina extratubular apresenta maior densidade que a intratubular, região que possui maior quantidade de pontes de enxofre. .

Diante dessa forma compacta entre as queratinas, confirma-se a ausência de poros no estojo córneo do casco desses animais. .

Essas evidências indicam que, a interação do casco com água em ambientes de alta umidade e contaminação deve-se a interações moleculares e não por meio dos poros do casco. Acredita-se que pelas pontes de hidrogênio. Mas esse é um assunto pra outro momento. .

Fique ligado no próximo Aprimory Science. .

Fonte: Dados retirados do artigo original que segue abaixo, produzido por pesquisadores que juntos somam mais de três décadas de pesquisas na área da podologia de bovídeos, sendo autoridades no assunto:

Assis BM, Silva LAF, Lima CRO, Gouveia RF, Vulcani VAS, Sant’Ana FJF, Rabelo RE. Microstructure and Hardness of Buffalo’s Hoofs. Anat Histol Embryol. 2017;46(5):338-345.

WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe está aqui para responder as suas duvidas. Pergunte qualquer coisa!
Oi, como posso ajudar?
Get Access Now!
OFFER ENDING SOON
Save 50%
Personal Trainer
FREE Nutrition
Custom Workout App
Get Access Now!
Get Access Now! & Save 50%
Personal Trainer FREE Nutrition Custom Workout App
Get Access Now!
Special
Offers
GET EXTRA 50% OFF
Mother's Day
Sale ends in
SHOP NOW